Dicas de Gravação em Estúdio!

 

Dicas de Gravação em Estúdio!

 

Olá Pessoal tudo bem ?

Hoje vou falar um pouco, sobre gravação em estúdio!

Você pode se perguntar: Cantar em um estúdio é a mesma coisa que cantar no palco?

Não, é muito diferente! Começa pelo ambiente em que você se encontra.

O preparo, para a voz, sim, é basicamente o mesmo. A técnica vocal ajuda muito nessa hora.

Não dá pra saber o que o produtor vai pedir. Então, estar preparado antecipadamente, faz toda a diferença.

Sua noite já deve ser bem tranquila e dormir pelo menos umas 8 horas, vai ser fundamental.

Um bom agasalho em mãos e um squeeze com água ou garrafinha, de preferência em temperatura ambiente.

Não coloque pulseiras e acessórios que possam causar ruídos, pois a sensibilidade dos microfones, é absurda e por isso mesmo, existe uma proteção que evita que sua respiração possa aparecer também.

Os grandes estúdios, tem acústica perfeita, pois são feitos com o propósito de abafar qualquer ruído externo, além de proporcionar uma sonoridade adequada. O ar condicionado, sempre estará ligado, pois mantém os equipamentos numa temperatura ideal, ou toda a sala estaria muito quente. Onde o cantor grava, que chamamos de aquário, tem uma temperatura melhor que na sala onde ficam os engenheiros de som.

Se você já fez seu aquecimento vocal, com vocalises e também outras técnicas como respiração, por exemplo, vai ser tranquilo. Esqueça de tudo isso no momento em que for cantar, pois de certa forma, com o tempo, to estará orgânico (automático) em você.

Hora de começar a gravar. Se for um solo, você poderá usar o fone cobrindo seus ouvidos totalmente. É importante ter a base instrumental e a sua voz, equilibradas, para que você possa cantar confortavelmente, ouse ja, se ouvindo e ouvindo o instrumental também.

Se for gravar com outras pessoas (backing), é importante ter a referência externa, ou seja, escutar também a pessoa que está ao seu lado. Para isso, basta deixar um dos ouvidos livres ou quase livres e o outro coberto pelo fone. Isso fará com que você tenha o som da música instrumental e também, dos companheiros de gravação, facilitando muito no momento de timbrar as vozes, que consiste em combinar timbres de duas ou mais pessoas dentro de uma formação vocal, mesmo que em uníssono.

Normalmente, grava-se mais do que um canal. Você pode chegar a fazer até 4 dobras da mesma voz gravada e é bem comum que aconteça, para se ter o “peso” necessário para determinadas canções.

Então, não se preocupe demais, pois as pessoas que estão no comando, tem experiência para conduzir todo este processo.

O que ajuda bastante, é que você tenha um certo preparo para entrar em um estúdio. Se for a sua primeira vez, escute bastante a base instrumental antes de começar a gravação. Saiba a estrutura da música. Se você tem facilidade com abertura de vozes, melhor ainda. Muito raro que não precisem harmonizar os vocais (abrir vozes) e não há tempo para ensinar alguém.

A frase é: Time is money = Tempo é dinheiro e este é o fato, que muitos se questionam o porque de ser sempre a mesma turma gravando coro para um artista, por exemplo. As pessoas chamam isso de “panela” e na verdade, eles usam um grupo de cantores, que funcionam muito bem juntos! 🙂 Quer entrar para a panela? Estude, seja dedicado e determinado, além de não ter medo de desafios.

No tópico abordado, sobre respiração, não há muito o que dizer, mas sim, muito o que praticar! Aqui mesmo no blog, você vai encontrar uma vídeo-aula sobre respiração diafragmática.

Quer saber mais sobre seu tipo de voz, sua classificação vocal, como respirar e outras técnicas, conheça o método Classificação Vocal e o Curso Online Além da Voz, além do meu app Aula Canto, disponível para as plataformas Android e iOS.

Você será muito bem-vindo a minha turma de alunos.

 

Bjka e até sempre.

Boa sorte e sucesso!

Iara Negrete

 

Conheça nosso Aplicativo para Celular.

Assine nosso canal no Youtube.

Curta nossa página no Facebook.

Dicas de Gravação em Estúdio!
5 (100%) 1 voto

6 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *